22 de abril de 2018 - 01:36

? ºC Cuiabá - MT

Publicidade

Banner sicredi

ELEIÇÕES 2018

06/04/2018 10:13

Governistas lançam Taques a reeleição e apostam em "apoios surpreendentes" em MT

O deputado estadual Pedro Satélite (PSD) disse na manhã desta quinta-feira que o governador Pedro Taques (PSDB) "lançou", de forma extraoficial, sua candidatura a reeleição ao Governo de Mato Grosso. O parlamentar comentou o churrasco de um carneiro oferecido por Taques em sua residência no condomínio Florais dos Lagos na noite da última quarta-feira (4), reuniu os principais aliados do chefe do executivo estadual, e até mesmo opositores, como o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB).

Nas palavras de Satélite, o encontro, que ainda contou com a presença do empresário Erai Maggi, cotado para ser vice na chapa, foi “excelente”. “Foi uma reunião excelente. Participaram vários deputados, inclusive o prefeito de Cuiabá esteve lá. Esteve lá o ex-lider do Governo, Dilmar Dal Bosco. Se falou sobre política e a situação do Estado. Inclusive o empresário Erai Maggi também esteve lá nesse jantar. Isso é normal. Ele também fez suas ponderações”, disse Satélite.

Questionado se a reunião, que ainda teve a presença do presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, Eduardo Botelho (DEM), seria uma espécie de “lançamento informal” da candidatura de Taques à reeleição, o parlamentar foi enigmático, dizendo que até esta sábado (7), e até 5 de agosto de 2018, data limites para mudanças partidárias e registro de candidaturas, respectivamente, “muitas surpresas vão ocorrer”. “Pedro Taques é candidato a candidato a reeleição. Até o dia 7 de abril vai acontecer muita coisa. E até o dia 5 de agosto muitas surpresas vão ocorrer no Estado de Mato Grosso. Entre coligações, quem é quem, quem de fato vai ser candidato. Até hoje, de fato, quem colocou sua pré-candidatura, é o governador”, disse o parlamentar.

Pedro Satélite também comentou a renúncia de Carlos Fávaro da vice-governadoria e a posição do PSD frente ao Poder Executivo Estadual  seja na oposição ou na situação. Ele disse que Fávaro tem o projeto de ser senador da República, e que quatro dos 5 deputados estaduais do partido no Legislativo, além dele, Gilmar Fabris, Nininho, e Wagner Ramos -, vão continuar no partido. A decisão é questionada por Fávaro, que pode expulsá-los da agremiação.

O deputado estadual assegurou que os parlamentares do PSD, com exceção de José Domingos Fraga, vão continuar na base do governador Pedro Taques. Segundo ele, seria uma irresponsabilidade largar o Governo neste momento. “Diante disso nós definimos por dar sustentação ao Governo do Estado. Porque não podemos ser irresponsáveis e largar o Governo neste momento. Isso é uma questão. Nós demos sustentação por três anos e não é o momento de sair agora. Lá na frente tudo pode se ajeitar”, disse.


Banner sicrediBanner sicrediBanner sicredi

Historia do Jornal O Estado!!

O jornal O Estado e um jornal impresso que circula em mato grosso desde 2001 com objetivo de levar informações e noticias para nossos leitores de mato grosso

O Estado

Avenida Rubens de Mendonça 2478,
Av. CPA, Edifício Cuiabá Center.

Redes Sociais

Todos os Direitos Reservados para O Estado

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo