26 de abril de 2018 - 14:08

? ºC Cuiabá - MT

Publicidade

Banner sicredi

CUIABA

20/03/2018 14:45

Base de Emanuel chama vereador de "araque" e denuncia ligações com Silval e Zílio

O vereador Renivaldo Nascimento (PSDB) ligou a metralhadora verbal na sessão da Câmara Municipal de Cuiabá da manhã desta terça-feira e atirou para cima do seu colega de parlamento, Felipe Wellaton (PV), a quem chamou de “mentiroso” e “vereador de araque”. O parlamentar chegou a dizer que, caso o episódio ocorrido na última semana em que ele tentou tomar o celular de Wellaton ao perceber que estava sendo filmado tivesse acontecido fora da Câmara Municipal de Cuiabá, a história teria sido diferente. “Vereador que mente e coloca a Casa em suspeição ao dizer que dinheiro que estava vindo para cá para pagar servidores era para pagar propina. Isso é vereador de araque. Não tem serviço mostrado. Faz tipo. Naquele dia, se fosse lá fora, ele ia me representar era na polícia. Não vai ter próxima vez porque você não vai fazer de novo”, avisou.

Em tom de ameaças, Renivaldo seguiu o discurso acusando Wellaton de empregar amigos e que não mostram serviço para a população. “Não vim aqui para fazer palhaçada e nem empregar amiguinhos. E não tenho medo de representação até porque e já falei até na CPI que isso não dá em nada. Não quebrei decoro nenhum. Posso quebrar outra coisa, mas não decoro. Fico revoltado. Um cidadão que recebe dinheiro do povo e não mostrou ao que veio na Casa, a não ser fazer tipo não vai pisar na minha cabeça aqui não. Pode ter certeza. Vou te colocar no seu lugar. Na minha cabeça você não pisa e nem na minha reta você passa. Não topa comigo. Me respeita que te respeito, mas se não me respeitar, eu te atropelo”, ameaçou.

Em entrevistas, Felipe Wellaton declarou que os vereadores abriram mão de ouvir o ex-deputado estadual, José Geraldo Riva, por medo do que o ex-parlamentar pudesse falar. Renivaldo desafiou o vereador a dizer quem teria medo do ex-deputado e o motivo. “Eu desafio ao Felipe Wellaton que ele apresente, como disse na imprensa, que eu tenho ou alguém que tenha ligação com qualquer deputado ou recebimento de propina para fazer ou deixar de fazer alguma coisa. Ele disse que o deputado Riva não seria ouvido na Casa porque os vereadores estavam com medo. Desafio ele a apresentar nomes para não ser leviano e irresponsável de colocar na berlinda a Câmara mais uma vez. Dê nome aos bois”, desafiou.

Quem endossou as críticas de Renivaldo foi o vereador Paulo Araújo (PP). Ele acusou Wellaton de ter ligação com Cesar Zílio, ex-secretário de Estado de Administração durante a gestão Silval Barbosa e com o próprio ex-governador.

Ambos são réus em ações penais por corrupção durante a gestão passada do Governo do Estado e fizeram delação premiada. “O vereador, novamente, para ganhar votos, coloca em xeque todos os vereadores desta Casa, mas quem trabalhou com bandido, assessorando muito bem o Cesar Zílio e o Silval Barbosa. Disso ele entende perfeitamente. Na ânsia de conquistar votos, expõe a todos. Desafio que ele venha a público explicar a relação nada republicana que este jovem hipócrita tem com o senhor Cesar Zílio, ladrão declarado e bandido. É uma vergonha para a Câmara, este cidadão, que vem aqui para chorar, manipulado por terceiros, com interesses obscuros que todo mundo aqui sabe”, disse Paulo Araújo


Banner sicrediBanner sicrediBanner sicredi

Historia do Jornal O Estado!!

O jornal O Estado e um jornal impresso que circula em mato grosso desde 2001 com objetivo de levar informações e noticias para nossos leitores de mato grosso

O Estado

Avenida Rubens de Mendonça 2478,
Av. CPA, Edifício Cuiabá Center.

Redes Sociais

Todos os Direitos Reservados para O Estado

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo